Prémio Nacional de Bioética 2021

A Associação Portuguesa de Bioética distinguiu o Vice-almirante Henrique Gouveia e Melo com o Prémio Nacional de Bioética 2021. A cerimónia de entrega do Prémio decorreu no dia 3 de novembro no Auditório do CIM-FMUP.

Vice-almirante
Henrique Gouveia e Melo

A Associação Portuguesa de Bioética, com o apoio da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), distinguiu o Vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, ex-Coordenador do Plano de Vacinação contra a COVID-19 em Portugal, com o Prémio Nacional de Bioética 2021.

Conhecido pelo papel determinante que desempenhou numa fase crítica da pandemia, o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo foi, para o júri deste Prémio, uma escolha natural e unânime.

O Prémio, atribuído desde 2007 pela Associação Nacional de Bioética, com o apoio da FMUP, distingue em 2021 o vice-almirante pela integridade pessoal com que desempenhou as funções, bem como pelas qualidades organizativas e de planeamento demonstradas. O galardão constituí, também, um reconhecimento pelo exemplo que deu à sociedade portuguesa, um exemplo de serviço público e dedicação a causas comuns.

A cerimónia de entrega do Prémio decorreu no dia 3 de novembro no Auditório do CIM-FMUP.